Saltar para o conteúdo principal da página

Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte

Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte União Europeia

Menu Mobile

A Rede EmpreenDouro acolhe de 10 a 13 de novembro um conjunto de diferentes instituições da região espanhola de Castela e Leão, destacando-se um grupo de jornalistas, com o objetivo de intensificar relações que permitam promover internacionalmente a marca Douro-Duero como um valor ibérico.

O programa da iniciativa, que se insere na 2ª edição do Prémio Douro Empreendedor, arranca com uma receção na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro e inclui uma viagem de barco, visitas ao Museu do Douro e ao Museu do Côa, assim como a diferentes quintas da região reconhecidas pela sua experiência no enoturismo. As visitas passam pela Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo (Covas do Douro), Quinta de Foz Torto (Pinhão), Quinta da Boavista (Covas do Douro), Quinta do Pessegueiro (Ervedosa do Douro) e Quinta de Ervamoira (Vila Nova de Foz Côa).

Além de reconhecer na cooperação transfronteiriça o principal caminho para a afirmação internacional do Douro Ibérico, a Rede EmpreenDouro pretende contribuir para a definição do Plano de Investimento Conjunto (PIC) Norte de Portugal/Castilla y León 2014-2020. A ligação da região ao comboio de alta velocidade (TGV), associada à defesa do projeto do corredor atlântico, a mobilidade de estudantes e a promoção conjunta do Douro português e espanhol são alguns exemplos dos projetos que podem integrar o PIC.

Inserida na 2ª edição do Prémio Douro Empreendedor, esta ação é dinamizada pela CCDR-N e pela UTAD, sendo cofinanciada pelo “ON.2 – O Novo Norte” (Programa Operacional Regional do Norte 2007/2013), através do QREN e do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Voltar ao Topo da Página