Homenagem

CCDR-N inaugura Sala Prof. Luís Valente de Oliveira

Presidente da CCRN de 1979 a 1985

A CCDR-N prestou hoje uma homenagem a Luís Valente de Oliveira, figura icónica da instituição por uma vida profissional dedicada ao País e à Região do Norte. A homenagem materializou-se no ano em que completa 80 anos com a inauguração, na sede da CCDR-N, da Sala de Reuniões Prof. Luís Valente de Oliveira, um local onde, segundo o homenageado, foram definidas muitas prioridades de investimento e discutida a atribuição de verbas da pré-adesão de Portugal à União Europeia.

“Tudo se passou nesta sala”, enfatizou Luís Valente de Oliveira, referindo-se não só às primeiras reuniões do Conselho Regional do Norte como ao momento em que a região recebeu o primeiro Presidente eleito do Governo Regional da Galiza. Defensor da regionalização, não escondeu a expetativa que teve ao inaugurar, em 1979, a sede da então Comissão de Coordenação da Região do Norte (CCRN), para que se tornasse corpo do futuro governo da região administrativa.

Fernando Freire de Sousa, Presidente da CCDR-N, evocou o homenageado como uma pessoa “muito especial” para a instituição e enfatizou que a atual presidência assume com especial interesse ser “herdeira conjuntural neste momento de contingência” do legado constituído ainda na década de 70.

Das marcas tangíveis que deixou, Valente de Oliveira destacou o facto de ter contribuído para que a então CCRN se tenha tornado no berço de um número muito significativo de governantes. “São pessoas que têm uma mística e sou muito grato por essa chama”, disse, referindo-se a pessoas como Luís Braga da Cruz, José Silva Peneda, Arlindo Cunha e Elisa Ferreira.

Detentor de um amplo currículo ligado ao Desenvolvimento Regional, Luís Valente de Oliveira assumiu, em 1979, a Presidência da Comissão de Coordenação da Região do Norte, cargo que exerceu até 1985, ano em que foi convidado para desempenhar a função de Ministro do Planeamento e Administração do Território, pasta que governou durante 10 anos e que o levou a tutelar as Comissões de Coordenação. Desde então, e até ao presente, Luís Valente de Oliveira desempenhou vários outros cargos públicos e privados relevantes.