URBACT III - Programa Europeu de Apoio a Redes Temáticas de Cidades

O Programa Europeu URBACT III, lançado pela Comissão Europeia no contexto do ciclo 2014-2020, promove e financia a constituição de redes temáticas de cidades que trabalhem no desenvolvimento de soluções comuns para os desafios urbanos contemporâneos, reafirmando a sua posição chave face à complexidade crescente das mudanças societárias.

O URBACT III, gerido em França pela Comissariat Général à L’Egalité des Territoires e com Ponto de Disseminação Nacional na Direção Geral do Território, tem na CCDR-N o interlocutor regional para o Norte de Portugal.

Para o período 2014-2020, o URBACT III tem quatro objetivos:

  • Melhorar a capacidade das cidades europeias na elaboração de Planos Integrados para o Desenvolvimento Urbano Sustentável (DUS), com elevado grau de participação pública.
  • Implementar metodologias inovadoras de elaboração de estratégias para o DUS.
  • Otimizar a implementação de Planos Integrados para o DUS.
  • Possibilitar o acesso e partilha de um conjunto de metodologias, relatórios, seminários e workshops, a autarcas e quadros técnicos das cidades europeias, com vista à otimização das políticas urbanas.   

Destinatários
Cidades dos 28 Estados membros da União Europeia, da Noruega e da Suíça, constituídas em redes às quais podem aderir parceiros como Autoridades Regionais, Universidades e Centros de Investigação

Redes de Implementação

O Comité de Monitorização URBACT aprovou um total de 7 Redes de Implementação, compostas por diferentes cidades europeias que se juntam em parceria para juntas melhorarem a execução das suas estratégias e planos de ação urbanos integrados. Das redes constituídas, verifica-se o envolvimento de cidades portuguesas em 4 redes, estando o Norte de Portugal representado com a cidade de Espinho.

Cidade: Espinho

Redes: “INT-HERIT”

Redes de Planeamento e Ação

O Comité de Monitorização URBACT aprovou um total de 20 Redes de Planeamento e Ação, compostas por diferentes cidades europeias que se juntam em parceria para implementar atividades relacionadas com a elaboração de estratégias de desenvolvimento urbano sustentável. Das redes constituídas, verifica-se o envolvimento de 9 cidades portuguesas em 13 redes e uma forte adesão de cidades da Região do Norte, com a participação de Amarante, Braga, Espinho e Porto em 8 redes temáticas.

Cidade: Amarante
Redes: “CityCentreDoctor” l “Change!”

Cidade: Braga
Redes: “CityMobilNet” l “Boostinno”

Cidade: Espinho
Rede: “MAPS (Disarmed Cities)”

Cidade: Porto
Redes: “InFocus” l “Second Chance (2C)” l “Smart Impact”

 

Contacto
Para envio de dúvidas ou sugestões, escreva-nos para urbact@ccdr-n.pt.

 

Links úteis
Site oficial URBACT
Ponto de Disseminação Nacional - DGT

 

Últimas Notícias
Guimarães e Valongo com selo “URBACT Boas Práticas”
2017.06.28

Espinho vê aprovada participação em rede europeia “INT-HERIT”
2016.11.16

Rede de Cidades Portuguesas URBACT reúnem-se a 29 de novembro, em Amarante
2016.11.16

 

Apresentações
Cidades Sustentáveis 2020 – Elisa Vilares, DGT l 2 de junho 2015
Redes de Cidades na Região do Norte – Fernando Gomes, CCDR-N l 2 de junho 2015