Investimento

Setores do têxtil, vestuário e calçado com forte expressão no NORTE 2020

Semana Europeia das Regiões e Cidades

O balanço da aplicação do NORTE 2020 foi hoje apresentado na Semana Europeia das Regiões e Cidades pela vice-presidente da CCDR-N, Ester Silva. Esta é uma iniciativa do Comité das Regiões que esta semana reúne em Bruxelas gestores, especialistas e promotores dos fundos da União Europeia para o ciclo 2014-2020 para debater políticas de crescimento dos territórios.

O apoio do NORTE 2020 (Programa Operacional Regional do Norte 2014/2020) ao investimento das empresas da região tem conhecido uma forte expressão nos setores tradicionais do têxtil, vestuário e calçado. Perto de um terço do financiamento já aprovado dirige-se a ações de internacionalização de micro e pequenas empresas destes setores, representando igualmente uma preponderância no volume de projetos aprovados. Segue-se um investimento igualmente significativo em inovação produtiva, através do desenvolvimento de novos produtos e serviços ou modernização de processos industriais.

A participação da Região do Norte decorre no contexto de um consórcio de regiões portuguesas, espanholas, italianas, francesas e nórdicas, que se propôs a apresentar um ponto de situação da Estratégia de Especialização Inteligente (RIS3) adotada aquando o planeamento do atual ciclo comunitário. No caso do Norte de Portugal, o balanço hoje apresentado permite concluir que há um alinhamento muito significativo entre a RIS3 e a implementação do NORTE 2020.

A forte expressão dos setores têxtil, vestuário e do calçado no aproveitamento do financiamento comunitário será, de novo, reforçada num workshop promovido pela Comissão Europeia sobre boas práticas na atração de investimento e reforço da inovação em setores económicos tradicionais. O workshop realiza-se a 14 de outubro (sexta-feira), em Bruxelas, e servirá para o apresentar casos de uma maior aproximação entre o conhecimento desenvolvido em centros de investigação e o setor industrial.