Institucional

Tutela coloca CCDR-N como “motor de desenvolvimento” do Norte de Portugal

Reunião com Ministro do Planeamento

O Ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, reuniu hoje com a nova presidência da CCDR-N e desafiou os dirigentes a retomar a capacidade de pensar o futuro da Região do Norte. “A Região do Norte tem de encontrar na CCDR-N o seu motor de desenvolvimento”, disse aos jornalistas no final de uma reunião que juntou a equipa dirigente da CCDR-N e do NORTE 2020 (Programa Operacional Regional do Norte).

O governante acrescentou que todos os atores regionais estão em sintonia e referiu-se em particular à dinâmica imposta na gestão dos fundos comunitários, prevendo uma evolução muito favorável na execução dos fundos da União Europeia.

Fernando Freire de Sousa, nomeado Presidente da CCDR-N no passado mês de julho, destacou a sensibilidade da tutela para o reconhecimento do trabalho que tem sido efetuado nos últimos anos pela Comissão. “A CCDR-N não se esgota nos fundos comunitários. Há aqui décadas de pensamento estratégico e vou querer apostar muito nessa dimensão”, referiu à comunicação social.